Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Depois em Seguida

CULTURA | MUNDO | ENTREVISTAS | OPINIÃO

13 de Maio, 2020

#odiaemqueopoemarebentoudochão, Antonino Bernardo

antonino.png

© Carlos Daniel Marinho

 

 Musgo 

 

Até por ali a solidão escorria

num tom bastante mais aceso do que o habitual

escondia os olhos inchados

e os dedos dos cigarros.

 

Bebia chá sem tirar os olhos da chávena

e mentia sobre os sonhos

                          (a não ser por interesse)

                          temia as suas próprias fantasias.

                          (podia escurecer-lhe a consciência)

 

Plantava musgo ajoelhado no pó

enquanto as flores ficavam por trás da sua sombra.

                           (sabes que mais?)

E não pensava no amor

o amor libertava-lhe os medos

                           (contra tudo o que ele simbolizava)

e o silêncio que passou em criança

até por ali a solidão escorria.

 

Antonino Bernardo 

 

1 comentário

Comentar post